raios uv nos olhos

Raios UV – quais os perigos para sua saúde ocular?

Independente se é verão ou inverno, os raios UV sempre podem ser um risco sério para sua visão. Isso porque, eles penetram na córnea agredindo a retina e o cristalino e causando danos sérios à sua saúde ocular.

Por isso, é importante tomar alguns cuidados e precauções quando for se expor ao Sol, que apesar de ser fonte de vitaminas, pode se tornar um vilão para os seus olhos.

O que são os raios UV?

Os raios UV, ou radiação Ultravioleta, são raios que o Sol emite e têm o comprimento de onda menor do que 400 nm. 

Eles são extremamente prejudiciais para sua saúde ocular, porque passam pela córnea e agridem a retina e o cristalino. Como esse efeito é acumulativo, a longo prazo, pode causar danos sérios à sua visão.

Quais os tipos de raios UV

  • UVA – esse tipo de raio UV incide muito mais na superfície terrestre do que os demais raios UV. Isso porque, eles independem de clima e são invisíveis. Além disso, os raios ultravioleta A, são os mais danosos para a saúde.
  • UVB – é esse tipo de raio, que causa queimaduras e vermelhidão no corpo. Os raios UVB costumam ser mais fortes e intensos nas estações mais quentes e tem um período certo do dia, no qual eles incidem.
  • UVC – esse com certeza é o tipo menos conhecido de radiação ultravioleta. Eles são bloqueados pela camada de ozônio, ou seja, não chegam até nós e, por tanto, não são prejudiciais à saúde.

Quais os malefícios dos raios UV para os olhos?

Pterígio

O Pterígio, ou carne nos olhos, é uma membrana que nasce nos olhos e avança sobre a córnea em direção ao centro. Quando essa membrana atinge o eixo visual, ela afeta a visão.

Dentre os muitos sintomas de Pterígio estão: coceira, ardência e queimação ocular, além de vermelhidão.

Fotoceratite

A fotoceratite é como uma queimadura nos olhos, causada pela exposição excessiva aos raios UV. Ela pode causar desde vermelhidão nos olhos e em toda a região, até lacrimejamento e dores intensas.

Assim como qualquer doença ocular, o ideal é que ao menor sinal de sintomas, você busque ajuda médica. Quanto antes conseguir o diagnóstico, mais fácil é a recuperação.

Catarata

A catarata é uma doença super conhecida e que acomete muitas pessoas. Ela consiste, basicamente, na perda da transparência do cristalino.

Mas o que é o Cristalino? A gente te explica! Ele é a lente natural do olho e tem a função de regular o foco.

Na pessoa com catarata, essa lente vai se tornando cada vez mais opaca, o que torna a visão mais embaçada. Conforme o tempo vai passando e a opacidade vai aumentando o paciente pode chegar a enxergar apenas vultos e luzes e pode causar cegueira.

Degeneração Macular

É uma doença que atinge a mácula, que é uma parte da retina composta por células sensíveis à luz, que te ajudam a enxergar os pequenos detalhes.

Em um olho com degeneração macular o centro do campo visual é afetado e a imagem é se forma de maneira distorcida.

Câncer na pálpebra

Essa doença acontece quando há um aumento das células na região da pálpebra. Por ser um câncer pode ser bem grave e necessita de tratamento urgente.

Como proteger sua visão dos raios UV?

Proteger os olhos dos raios UV é essencial para manter a saúde deles/foto: Canva

Óculos de sol

Os óculos de sol são a forma mais convencional de proteger seus olhos dos efeitos dos raios UV. Porém, para que essa proteção seja adequada, os óculos precisam ser de boa qualidade. Ou seja, passe longe dos óculos falsos e de qualidade duvidosas.

Isso porque, quando os óculos não possuem a proteção adequada, eles acabam sendo extremamente de prejudiciais para a visão.

Lentes de contato

Você sabia que algumas lentes de contato têm proteção UV?

É isso mesmo! Elas são a opção perfeita se você precisa de correção visual e quer proteger seus olhos, sem precisar ficar o tempo todo de óculos de Sol.

Para conferir se sua lente têm esse tipo de proteção é só consultar na descrição do produto.


Comentários