Emergências oftalmológicas

Emergências oftalmológicas: 5 sintomas graves

As emergências oftalmológicas não podem esperar e é preciso procurar um médico o mais rápido possível. Porém, muitos estão acostumados a ignorar doenças oculares e o problema pode evoluir ainda mais.

Mesmo quando parece ser algo sem importância, é necessário ir ao atendimento 24 horas. Então, veja quais são as situações emergenciais para procurar um oftalmo.

O que são emergências oftalmológicas

Uma pessoa deve fazer um check-up no oftalmo a cada um ano ou seis meses. Mas, pode acontecer de no meio desse tempo haver algum sintoma grave. Ou seja, é necessário ir ao médico, mesmo que esteja fora da época.

Essas são as emergências oftalmológicas. Sendo assim, o paciente deve procurar por um profissional o mais rápido possível. Caso contrário, pode evoluir para uma doença ocular mais grave.

Saiba em quais momentos você deve procurar por um atendimento 24 horas. Alguns sintomas podem parecer normais e sem importância. Por isso, é preciso conhecer os mais graves para não correr riscos.

Vermelhidão é uma das emergências oftalmológicas

Muitas pessoas imaginam que a vermelhidão nos olhos pode ser normal. Então, não dão importância e esperam o problema passar. Porém, esse sintoma pode ser uma emergência se for um tom muito intenso.

Um vermelho forte não é um bom sinal para a saúde ocular. Ele pode significar alguns problemas como:

  • Hemorragia;
  • Inflamação;
  • Dilatação venosa;
  • Glaucoma.

Perda súbita da visão

Não é normal perder a visão de repente. Mesmo que exista algum motivo para isso acontecer. Por isso, caso ocorra, não espere passar e vá direto para o atendimento 24 horas.

Um minuto de espera pode fazer grande diferença no seu tratamento. Além disso, as doenças oculares que podem causar esse problema são:

  • Descolamento da retina;
  • Oclusão venosa ou arterial;
  • Hemorragia vítrea.

Trauma ocular

Receber algum tipo de choque na região dos olhos é caso de emergência. Afinal, é preciso saber como está sua saúde ocular após o trauma, mesmo sem sentir dores ou outros sintomas. Às vezes eles só surgem depois de um tempo e talvez seja tarde demais.

Os traumas incluem acidentes como objetos perfurantes ou produtos químicos entrando em contato com os olhos. Então, caso ocorra uma das situações, passe direto em um médico.

Dor na região ocular faz parte das emergências oftalmológicas

Sentir dor é outro problema que as pessoas podem se acostumar a esperar passar. Mas, isso é sinal de uma das emergências oftalmológicas. Além disso, pode ser indício de glaucoma.

Procure por um médico o mais rápido possível, ainda mais se a dor for intensa. Essa dor também pode vir acompanhada de vômitos, tontura e náusea.

Visão turva

Caso sentir algum tipo de mudança na visão, é preciso procurar um médico. Por exemplo, se ela estiver turva, embaçada ou com sensibilidade à luz.

Esses sintomas não são normais e é preciso tratar o mais rápido possível. Não espere passar. Lembre-se que qualquer minuto a mais ou a menos faz diferença ao buscar um tratamento.

Fique atento e deixe seus exames em dia

Saber sobre sua saúde ocular é super importante. Afinal, você vai saber identificar melhor quando algo não está certo com seus olhos. Assim, é mais provável que saiba quando procurar um atendimento 24 horas.

Faça exames todo ano ou a cada seis meses, dependendo da sua situação. Além disso, corra para o hospital caso sentir algum desses sintomas. Cuidar dos olhos é essencial, assim como se cuida das outras partes do corpo.


Comentários